quarta-feira, 25 de dezembro de 2013

Desconstrução

                                                                                                    Imagem do Google


não procure me entender


porque sou meio cinzas e folhas secas



uma picada abandonada no meio da mata



minha alma de limo resvala


pelas veredas insanas da sintaxe


e se perde ainda mais



não procure me entender


porque às vezes meus pés


ficam perdidos nos armários



e os sentimentos como sempre


nebulosos e confusos


escorrem pelo ralo da pia



não tenho poder no falar


sou verborrágica


e fibro miálgica


e meu corpo vai por ai


procurando mais


partes de reticências ilógicas

Marisete Zanon -In Confissinarium Book