quinta-feira, 20 de junho de 2013

Recordando um amor

                                               Obra de arte de Vino Morais



Recordando um amor

                      [ vinho, pêssegos e elefantes ]


Apenas o início daquela música já me traz
uma bagagem de lembranças
e uma gota de lágrima se precipita e pinga
mesmo com toda a minha relutância ela cai
molha um pouco a saudade que sinto
e não importa se tivemos maus momentos
guardei apenas aqueles que o tempo nos deu
bordados e rendados, servidos em bandeja de prata
dos ruins nem me lembro, a saudade apagou
já é triste demais saber que tua partida foi definitiva
dói saber que nunca mais ouvirei tua voz,
mas deixastes registrado todos os momentos
aqui dentro de mim...
E as tuas obras de arte para a humanidade.



Marisete Zanon