quinta-feira, 9 de maio de 2013

Loba solitária

                                  Fotografia de minha autoria



Sou loba solitária a farejar distâncias

sobre restos de cinzas de uma última queimada

galhos tortos e troncos dissecados

deixo meu rastro

decidi viver fora da matilha

acostumei-me a solidão

não mais apanham-me em armadilhas

sou vegetariana.

Eis a carta que trago na manga...


Marisete Zanon