segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

A ovelha das sombras

                                                         Toon Hertz




sentia saudades das solidões

de arranhar os afetos

estampar o sangue no olhar

derrubar cercas de desenganos

e tatuar a escuridão nos seus dias

sempre haverá uma ovelha

a conviver feliz nas sombras.


Marisete Zanon

3 comentários:

  1. gostei da composição em geral colega!!!
    post cheio de clima!!!

    ResponderExcluir
  2. Minha querida

    Um belo e verdadeiro poema...Por vezes é nas sombras que certas pessoas se movimentam melhor.

    Um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  3. Meus cumprimentos por tao belos e eloqüentes versos!
    Abracos

    ResponderExcluir